Arnaldo’s Zine Especial Primeira Guerra

FANZINE: Arnaldo’s Zine – Especial Primeira Guerra
EDIÇÃO: Única
MÊS E ANO: Abril de 2018
EDIÇÃO: Arnaldo Júnior e Arnaldo Neto, participação de Max Wagner
PÁGINAS: 28
FORMATO: ¼ de ofício, grampeado
TEMÁTICA: Histórias em quadrinhos, textos históricos
RESENHA: O zine foi produzido para ser apresentado no evento “Ribeirão Preto e a Primeira Guerra”, realizado em abril de 2018, no Centro Cultural Palace, em Ribeirão Preto/SP. A partir das pesquisas do escritor e historiador Max Wagner, os Arnaldos contam como era o momento político e social da cidade durante o conflito, entre 1914 e 1918. São mostrados os heróis da guerra, as lendas do período, o armamento utilizado e como os combates repercutiram no Brasil, especialmente no município paulista.

 

Zine Zero # 0

Um fanzine com textos de Ignácio de Loyola Brandão adaptados para os quadrinhos.

Trabalhos de Alexandre Nascimento, Angelo Davanço, Arnaldo Jr., Arnaldo Neto, Cordeiro de Sá Denis Pimentão, Gustavo Falcão, João Francisco Aguiar, Vinil e Vitor Pandão.

Lançamento dia 22 de maio de 2018,
na Feira Nacional do Livro
Ribeirão Preto/SP

 

Leia o zine abaixo:

Boca de Porco # 3

FANZINE: Boca de Porco
EDIÇÃO: 3
MÊS E ANO: Dezembro de 1991
EDIÇÃO: Arnaldo, Jabá e Alexandre
PÁGINAS: 50
FORMATO: ¼ de ofício, grampeado
TEMÁTICA: Histórias em quadrinhos, poesia, fanzines
RESENHA: O número 3 do fanzine Boca de Porco tem, além de material produzido pelos editores, colaborações de Camilo, Lelo, Serguei, Mário, Maurício, Valdir Ramos, Betinho, Feliph, Edvar e Paulo Jasiel, com poemas e histórias em quadrinhos diversos. Tem texto pirateado do Barão de Itararé e uma página para divulgação de outros fanzines. A capa é vermelha e o miolo é composto por papel verde claro, com “folha de rosto” destacável em papel de seda. Tem apoio cultural do bar Vernissage, da Loca Livros locadora e da Central de Fax e Xerox.

Ofizine # 1

FANZINE: Ofizine
EDIÇÃO: 1
MÊS E ANO: Outubro de 1994
EDIÇÃO: Vários
PÁGINAS: 28
FORMATO: Meio ofício
TEMÁTICA: Histórias em quadrinhos, crônicas, música, RPG
RESENHA: O Ofizine é resultado da primeira oficina Faça Zine, coordenada pelos editores do fanzine A Falecida, Angelo Davanço e José Luís Gomes, na Oficina Cultural Cândido Portinari, em Ribeirão Preto/SP, nos meses de setembro e outubro de 1994. Esta edição conta com os trabalhos de sete participantes da oficina, Rodrigo, Gustavo Maniezi, Gustavo de Andrade, Ton, Pecê, Henrique e Gina, com HQs, textos sobre RPG, música, uma entrevista com a banda ribeirão-pretana de funk metal Monroe e crônicas. No texto de apresentação, os produtores anunciam a criação de um “Núcleo de produção de fanzines”, com encontros semanais, aos sábados, na própria Oficina Cândido Portinari. Traz patrocínio do Grêmio Estudantil Machado de Assis, loja Combat Rock, bar Mondo Bizarro, loja Street Rock Shop, Chikus Etiquetas e loja Rarydadys.

A Falecida # 1

FANZINE: A Falecida
EDIÇÃO: 1
MÊS E ANO: Agosto de 1991
EDIÇÃO: Angelo Davanço, José Luís Gomes e Milton Bilar Montero
PÁGINAS: 28
FORMATO: Meio ofício
TEMÁTICA: Histórias em quadrinhos, literatura, música, teatro, entrevistas, fotografia
RESENHA: O fanzine A Falecida número 1 tem material produzido pelos editores, além de colaborações de Arnaldo Júnior (HQ) e César Mulatti (fotografia). A capa é do artista plástico Luís Carlos Falcão. Traz texto sobre o ator de teatro Gilberto Davanço e sua encenação do monólogo “As Mãos de Eurídice”, trechos de textos da cantora e poeta Patti Smith, texto sobre Mangás, entrevista com o grupo de rock Ira!, história em quadrinhos sobre Raul Seixas, fotografia e uma HQ pirateada de Gilbert Shelton.

Zorra! # 5

FANZINE: Zorra!
EDIÇÃO: 5
MÊS E ANO: Agosto de 1990
EDIÇÃO: Paulo Priess e Rafael da Silveira
PÁGINAS: 40
FORMATO: Meio ofício
TEMÁTICA: Histórias em quadrinhos, entrevistas, contos
RESENHA: A quinta edição do fanzine Zorra! tem como tema central os monstros, figuras sempre marcantes da literatura e das histórias em quadrinhos. O fanzine, editado de forma compartilhada por Paulo Priess, de Ribeirão Preto/SP, e Rafael da Silveira, de Blumenau/SC, conta com trabalhos dos colaboradores Henry Jaepelt (Timbó/SC), Paulo Cunha Jr. (Blumenau/SC), Sílvia Pires (Blumenau/SC), André Torres (Recife/PE) e Guido Neto (Blumenau/SC). Traz uma HQ pirateada do argentino Quino, além de outras 11 histórias em quadrinhos de autoria dos editores ou dos colaboradores. Tem também um conto sobre monstros e uma entrevista com o chargista Spacca.

A Falecida # 0

FANZINE: A Falecida
EDIÇÃO: 0
MÊS E ANO: Julho de 1991
EDIÇÃO: Angelo Davanço, José Luís Gomes e Milton Bilar Montero
PÁGINAS: 20
FORMATO: Meio ofício
TEMÁTICA: HQ, literatura, música, entrevistas, contos, fotografia
RESENHA: A primeira edição do fanzine A Falecida tem material produzido pelos editores, colaborações de Mário Marins (conto) e Henrique Porto (fotografia), HQ pirateada de Aragonés e capa do artista plástico Luís Carlos Falcão. Traz entrevistas com Arnaldo Antunes, Renato Russo e Toni Bellotto, trechos selecionados de textos do poeta Charles Bukowski, o conto Segredo de Stanis e uma fotografia.