em Uncategorized

Nossa capa, por Vinil

O {ofizine} abre uma série especial de capas mensais. Em abril de 2017, o convidado é o arquiteto, urbanista e quadrinista Vinícius Falcão, o Vinil, nascido em Ituverava/SP em 1985 e que vive em Ribeirão Preto, também no interior paulista.

Vinil já fez vários fanzines. “Muitos não chegaram a ser lidos por mais ninguém além de eu mesmo ou, no máximo, meu irmão”, diverte-se. Já na faculdade, fez um zine chamado “O Viniloscopio”. Depois veio o “Balão Branco”, feito em parceria com o cartunista Denis, o “Totem”, produzido em estêncil e participações nos zines “Feira” e “Travessão”. Atualmente, trabalha com o irmão, Gustavo Falcão, na elaboração de dois zines, um com HQs de temáticas sobre o cotidiano e outro de ficção-científica, além de uma revista com uma história própria, explorando outros formatos. “Vamos lançar todos no Junta Geek, em setembro”, avisa.

E a capa para o {ofizine}, como rolou? “Na imagem, procurei trabalhar uma ideia de diversão, de curtir o processo de trabalho. Ao mesmo tempo, queria tirar um pouco essa ideia de que um fanzine tem que ser feito obrigatoriamente todo ‘no braço’. Pra mim, o legal do fanzine é o uso criativo que a gente pode dar para cada ferramenta, podendo experimentar livremente sem se preocupar. Por isso, acabei misturando fotos que tirei de uns blocos de Lego bem antigos que tinha aqui em casa, com um desenho e edição feitos no computador. Aqui vai meu agradecimento especial à Amanda, que me ajudou com as fotos”, explica.

Para conhecer mais sobre o trabalho do Vinil, acesse as páginas do Viniloscopio e da RPHQ no Facebook.

Escreva um comentário

Comentário